Feira de Santana
+30...+30° C
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

Saúde

todas as notíciasseta

Aprender duas línguas pode aumentar poder do cérebro, diz pesquisa

Músicos parecem ganhar um benefício semelhante quando ensaiando, dizem os pesquisadores. Pesquisas anteriores também sugerem que ser bilíngue pode ajudar a afastar a demência


02/05/2012 às 10:32h

Aprender duas línguas pode aumentar poder do cérebro, diz pesquisa
Reprodução

 Aprender uma segunda língua pode aumentar o poder do cérebro. É o que afirma um estudo publicado na revista proceedings of the National Academy of Sciences. Segundo os pesquisadores da Northwestern University, o bilingüismo é uma forma de ginástica mental.

 

Os testes de laboratório revelaram que falar duas línguas afeta profundamente o cérebro e muda a forma como o sistema nervoso reage ao som. Os pesquisadores perceberam que o tronco cerebral reagiu mais no caso dos estudantes capazes de falar duas línguas.

 

A equipe de pesquisadores monitorou as respostas do cérebro de 48 estudantes voluntários saudáveis - 23 dos quais bilíngues - a sons diferentes. Foram usados eletrodos no couro cabeludo para traçar o padrão das ondas cerebrais.

 

Sob condições laboratoriais silenciosas, os dois grupos - o bilíngue e o de alunos que somente falavam inglês - responderam da mesma forma. Mas em um contexto de conversa barulhenta, o grupo bilíngue foi muito superior em processar os sons.

 

Eles eram mais capazes de sintonizar informações importantes - a voz do orador - e bloquear outros ruídos que distraem - as conversas de fundo.

 

De acordo com a coordenadora da pesquisa, Nina Kraus, o sistema auditivo do bilíngüe se torna mais eficiente, flexível e focado no processamento automático do com, sobretudo em situações de alta complexidade.

 

Outra pesquisadora e co-autora do estudo, Viorica Marian disse afirmou ainda que pessoas que fazem palavras cruzadas e outras atividades podem manter suas mentes afiadas, porém os falantes de mais de uma língua alcançam essa vantagem por simplesmente conhecerem e utilizarem dois idiomas.

 

Músicos parecem ganhar um benefício semelhante quando ensaiando, dizem os pesquisadores. Pesquisas anteriores também sugerem que ser bilíngue pode ajudar a afastar a demência.

  

FONTE: BBC Brasil
REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

BAHIA AQUI É TRABALHO

TVGeral

Live Mareô com canções consagrada, mesclando com o que há de melhor do ritmo na atualidade.
Publicidade
PMFGS Covid
Radio Geral 2
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas