Feira de Santana
+30...+30° C
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

Copa 2014

todas as notíciasseta

Júlio Cesar defende dois pênaltis e Brasil avança para próxima fase

Depois do empate no tempo normal e na prorrogação o Brasil despachou o Chile nos pênaltis


28/06/2014 às 04:06h

Júlio Cesar defende dois pênaltis e Brasil avança para próxima fase
© Getty Images

Na tarde deste sábado (28) o país parou para acompanhar a partida do Brasil contra o Chile pelas oitava de final da Copa do Mundo. Em Feira de Santana não foi diferente muitas pessoas que estavam no centro da cidade, correram para chegar em casa a tempo de conferir todos os detalhes do grande confronto entre brasileiros e chilenos na Arena Mineirão, em Belo Horizonte-MG.

 

O Brasil começou arrasador e logo aos 18 minutos do primeiro abriu o marcador, através do zagueiro David Luiz, após a cobrança de escanteio feita por Neymar o zagueiro da seleção brasileira subiu mais que a zaga chilena e fez o primeiro gol do jogo para o Brasil. Com o gol parecia que a seleção iria decolar ainda na primeira etapa de jogo, engano bem postada em campo a seleção chilena conseguiu controlar o ímpeto brasileiro e começou a ter mais posse de bola.

 

De tanto insistir em pressionar a saída de bola da defesa brasileira o Chile conseguiu chegar ao gol de empate, depois de Hulk perder a bola no lado direito do ataque chileno, o atacante Alexis Sanchez recebeu dentro da área e tocou sem defesa para o goleiro Júlio Cesar, eram jogados 32 minutos do primeiro tempo. Frustação da torcida do Brasil e explosão nas arquibancadas por parte dos milhares de torcedores chilenos que foram ao Mineirão.

 

No finalzinho da primeira etapa Fred ainda perdeu um gol feito, que poderia ter colocado o Brasil na frente do marcador ainda no primeiro tempo. Logo em seguida o Chile respondeu com uma boa cabeçada de Pinilla para uma ótima defesa de Júlio Cesar, que jogou para escanteio. Final de primeiro tempo e tudo igual no placar Brasil 1 x 1 Chile.

 

Na volta para segunda etapa o técnico Felipão continuou insistindo com o atacante Fred, mas a paciência do treinador e do torcedor acabou e ele fez a sua primeira modificação na partida, colocando o atacante Jô, e em seguida o meia Fernandinho deu lugar para Ramires.

 

Sem ter uma ligação com o ataque Neymar desapareceu no segundo tempo, o Brasil ainda chegou a marcar o seu segundo gol, porém a arbitragem anulou a jogada. Segundo o bandeirinha o atacante Hulck teria tocado com a mão na bola antes da conclusão da jogada. Hulck ainda levou cartão amarelo pelo lance irregular.

 

O técnico do Chile o argentino Jorge Sampaoli vendo a fragilidade da lateral direita com Daniel Alves colocou o seu melhor jogador para atuar naquele setor, foi ai que a estrela do Alexis Sanchez começou a brilhar, o maestro chileno conduziu a sua equipe a resistir a pressão brasileira e levar o jogo para a prorrogação.

 

Prorrogação

 

Nos quinze primeiros minutos foi um jogo morno por parte do Brasil, que sempre esbarrava na forte marcação chilena. No primeiro tempo o placar foi o mesmo do tempo normal, ou seja, 1 a 1.

 

No retorno para o segundo tempo da prorrogação o técnico Felipão, voltou a modificar a equipe ele tirou Oscar e colocou o atacante Willian. Com o apoio do torcedor o Brasil partiu pra cima do Chile buscando o seu segundo gol, enquanto o Chile visivelmente mostrava interesse em ir para os pênaltis. Sempre buscando Neymar o Brasil tentava furar o bloqueio chileno, mas não dava certo. Quando em um lance rápido do ataque chileno o centroavante Pinilla acertou um chute no travessão do goleiro Júlio Cesar, para alivio do torcedor brasileiro. Final da prorrogação e a decisão foi para os tiros livres.

 

Aí brilhou a estrela do goleiro Julio Cesar, que antes do Mundial teve o seu nome muito criticado devido a sua convocação, pegou dois pênaltis e garantiu o Brasil na próxima fase. Os pênaltis foram igualmente tensos. O goleirão brasileiro defendeu as cobranças da Pinilla e Alexis Sánchez, mas Wilian e Hulk também falharam pela Seleção. Na décima cobrança, com o Brasil vencendo por 3 a 2, Jara acertou a trave, selando os destinos dos dois países na competição.

FONTE: Da Redação
REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

GOV BA NEW

TVGeral

Confira como foi a a Corrida TPM Análise realizada dia 08 de março em Feira-Ba
Publicidade
GOV BA NEW
GOV BA NEW
GOV BA NEW
Vilage
GOV BA NEW
GOV BA NEW
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas