Feira de Santana
+30...+30° C
Dólar:   R$ 4,146
Euro:   R$ 4,841
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

Moda e Beleza

todas as notíciasseta

Caspas: Como evitar

Apesar da grande evolução da ciência, ainda não sabe a exata causa da caspa capilar. Porém, existem algumas maneiras para evitá-las fazendo uso de produtos específicos, dentre outras formas.


02/07/2012 às 11:31h

Caspas: Como evitar
Crédito: Divulgação

 

A cada dia que se passa mais pessoas sofrem com problemas de caspa. Apesar da grande evolução da ciência, ainda não sabe a exata causa da caspa capilar. Porém, existem algumas maneiras para evitá-las fazendo uso de produtos específicos, dentre outras formas.

 

O que se pode falar sobre o surgimento de caspas, é quando um fungo chamado Malassezia irrita o nosso couro cabeludo faz com que a pele morta seja produzida mais rapidamente.

 

Alguns fatores também contribuem para o surgimento de capas, como por exemplo, falta de higiene capilar, stress, alimentação desequilibrada, fatores climáticos e suas mudanças, dentre outros.

 

Certa de 50% dos brasileiros tem caspa por pelo menos uma vez ao ano e diferente do que muitos pensam o surgimento de caspa é maior entre 20 até os 50 anos. Engana-se também, quem acha que a caspa é contagiosa, pois caspa é um componente característico do tipo de pele de cada pessoa, principalmente da pele oleosas.

 

A melhor maneira para se prevenir a caspa é lavar o cabelo com freqüência. Beba também muito líquido (pelo menos 2 litros ao dia).

 

Evite o uso de gorduras animais e açucares em excesso e procure manter uma alimentação equilibrada. Outra dica é não usar o secador muito próximo ao couro cabeludo e não esfregue o couro cabeludo com as unhas. Não use água muito quente (temperatura recomendável é de uns 22 graus). E por fim, evite dormir com os cabelos úmidos.

 

 

Como evitar

 

Use um xampu anticaspa alternando com xampu para uso diário; lave seu cabelo com xampu duas vezes; escove os cabelos antes das lavagens para ajudar a transportar a oleosidade da raiz para a ponta dos fios.

 

Por fim, se você perceber que o problema está se tornando constante, é aconselhável procurar ajudar de um médico profissional, como por exemplo, um dermatologista.

FONTE: Da redação
REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

PM Santo Estevão

TVGeral

6ª Copa WH7 - 27/10/2019 - Profissional AO VIVO - Tvgeral.com.br
Publicidade
Vilage
SECOM - BAHIA AQUI É TRABALHO 1119
Academia First
PMFS Qualifica
First
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas