Feira de Santana
+30...+30° C
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

Municípios

todas as notíciasseta

Equipe 100% baiana realiza cirurgia para separar siameses

Essa é a primeira vez que um procedimento desse tipo é realizado por uma equipe totalmente baiana


06/05/2021 às 11:29h

Equipe 100% baiana realiza cirurgia para separar siameses
Crédito: Divulgação

Uma equipe multidisciplinar formada por profissionais do Hospital Ana Nery e da Maternidade de Referência Professor José Maria de Magalhães Netto realizou, na última terça-feira (4), uma cirurgia para separação de bebês siameses. Essa é a primeira vez que um procedimento desse tipo é realizado por uma equipe totalmente baiana.


De acordo com a subsecretária da Saúde da Bahia, Tereza Paim, o nascimento de gêmeos siameses é uma ocorrência rara. “Ocorre em um para cada 100 mil nascimentos. A realização da cirurgia se deu por uma equipe 100% baiana, todos envidando esforços para que o procedimento fosse um sucesso”, afirma.


Os bebês Nathan e Nathanael nasceram prematuros em dezembro de 2020, na Maternidade de Referência, interligados pelo tórax e abdomen. Os dois apresentavam ainda cardiopatias congênitas, sendo um dos casos de alta complexidade. Apesar de ter sido um procedimento bem sucedido, o bebê com quadro mais grave da doença não sobreviveu após uma parada cardiorrespiratória.


“Eles estavam sob ventilação mecânica e drogas vasoativas desde o primeiro dia, para mantê-los vivos diante da grave cardiopatia. Os bebês dividiam o fígado e um circuito vascular importante”, detalha a cirurgiã Célia Britto, responsável pelo procedimento.


Segundo a médica, que já havia realizado anteriormente outras duas cirurgias para separação de siameses, cerca de 50 profissionais de saúde se dedicaram a estudar o caso para preparação do procedimento durante os últimos quatro meses. Participaram da cirurgia oito profissionais da Cirurgia Pediátrica, três na equipe cardíaca, quatro anestesistas, além do suporte da enfermagem e técnicos.


“Essa é uma cirurgia que necessita de uma equipe multidisciplinar entrosada. Dividir conhecimento e experiência de uma equipe multidisciplinar em prol de um tratamento médico é muito gratificante”, acrescenta Célia Britto.

REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

Gov Bahia

TVGeral

Live da Esperança. Comandada pelo Frei Mário Sérgio
Publicidade
ENS
Gov Bahia
ENS
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas