Feira de Santana
+30...+30° C
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

Economia

todas as notíciasseta

Vitória empata com Chapecoense fora de casa

O empate saiu aos 16 minutos do 2º tempo: Juninho Quixadá foi derrubado dentro da área com um empurrão, e Carleto, com a eficiência de sempre, bateu com categoria


17/10/2020 às 09:40h

Vitória empata com Chapecoense fora de casa
Crédito: Márcio Cunha/ACF

Envolvente e criativo no ataque, consistente na defesa, o Vitória merecia sair vencedor do confronto com a Chapecoense na tarde deste sábado (17), na Arena Condá, em Chapecó (SC), pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O empate de 1 a 1 foi injusto pelo que apresentou o rubro-negro baiano, sobretudo no segundo tempo.


Num vacilo, o Vitória permitiu ao adversário fazer 1 a 0 aos 23 minutos. Paulinho Mocellin aproveitou o contra-ataque e chutou rasteiro na saída de Ronaldo. O empate saiu aos 16 minutos do 2º tempo: Juninho Quixadá foi derrubado dentro da área com um empurrão, e Carleto, com a eficiência de sempre, bateu com categoria. É o quarto gol do lateral no Brasileiro e o sétimo na temporada.


O primeiro tempo foi equilibrado até a Chapecoense marcar 1 a 0. O Vitória, após o gol, foi em busca do empate e por duas vezes esteve próximo: Ewandro errou um voleio dentro da área, e o goleiro João Ricardo operou um milagre na cabeçada de Alisson Farias.


Com uma alteração – Gerson Magrão saiu com suspeita de fratura na costela – o Vitória assumiu o controle na etapa complementar. Lucas Cândido entrou bem, o time foi criativo e envolveu o adversário. Verdade que por pouco não tomou o segundo gol logo no começo: Paulinho Mocellin entrou livre na área e finalizou para fora.


O Vitória, literalmente, empurrou a Chapecoense para trás. Com paciência, tocou a bola e passou a criar oportunidades. Empatou aos 16 minutos e criou oportunidades ainda com Léo Ceará, que chegou a driblar o goleiro, e com o gol vazio, chutou desequilibrado e para fora. Na outra, ele cabeceou rente à trave com o goleiro batido.


Rafael Carioca ainda pegou um rebote de João Ricardo ao espalmar a bola chutada por Carleto cobrando falta, e na conclusão bateu em cima do goleiro. O próprio Rafael arriscou uma bomba de fora da área e João Ricardo defendeu.

REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

BAHIA AQUI É TRABALHO 1020

TVGeral

Debate entre os candidatos a vice-prefeito de Feira de Santana
Publicidade
PMFS
Radio Geral 2
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas