Feira de Santana
+30...+30° C
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

Municípios

todas as notíciasseta

Safra de grãos na BA deve ser recorde e aumentar 15,1%

Colheita de milho tem revisão para cima


11/08/2020 às 06:13h

Safra de grãos na BA deve ser recorde e aumentar 15,1%
Crédito: Reprodução

A sétima estimativa para a safra baiana de cereais, leguminosas e oleaginosas (também conhecidos como grãos) em 2020 prevê, em julho, um novo recorde na produção, que deve chegar a 9.534.331 toneladas neste ano - a maior da série histórica do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA), realizado pelo IBGE desde 1972.


Isso representa um aumento de 15,1% (ou mais 1.250.671 toneladas) em relação à safra de 2019 (8.283.660 toneladas). A previsão de julho ficou 1,9% maior que a de junho, quando a estimativa era de uma safra de 9.359.331 toneladas de grãos em 2020, no estado.


O aumento ocorreu por conta da revisão para cima na estimativa de produção baiana de milho (1ª safra) em 2020, que chegou a 1.800.200 toneladas em julho, 10,8% maior (mais 175 mil toneladas) que a do mês anterior (que tinha sido de 1.625.000 toneladas).


Com isso, a produção de milho (1ª safra) na Bahia em 2020 (1,8 milhão de toneladas) deve ficar 31,8% maior que a de 2019 (1,365 milhão de toneladas).
O aumento na previsão do milho se deveu a ganho de produtividade, uma vez que a área plantada com a cultura se manteve estável entre junho e julho, em 363.500 hectares.

 

Em nível nacional, a estimativa de julho para a safra de grãos 2020 também é de recorde na série histórica do IBGE, chegando a 250,5 milhões de toneladas, 3,8% superior à de 2019 (que foi de 241,5 milhões de toneladas) e 1,3% maior (mais 3,1 milhões de toneladas) em relação ao estimado em junho.


O Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) é realizado mensalmente pelo IBGE. O grupo de cereais, leguminosas e oleaginosas (grãos) engloba os seguintes produtos: arroz, milho, aveia, centeio, cevada, sorgo, trigo, triticale, amendoim, feijão, caroço de algodão, mamona, soja e girassol.


A partir das informações desta sétima estimativa, a Bahia deve se manter, em 2020, com a oitava maior produção de grãos do país, respondendo por 3,8% do total nacional. Mato Grosso deverá continuar na liderança, respondendo por 28,7% do total, seguido, mais uma vez, por Paraná (16,3%) e Rio Grande do Sul (10,8%).  

REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

TVGeral

Desafio dos Craques, com a presença de Jorge Wagner
Publicidade
Corre que cura
DESAFIO CORRER É VIDA
Radio Geral 2
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas