Feira de Santana
+30...+30° C
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

Brasil

todas as notíciasseta

Maioria das escolas do Rio fica fechada mesmo autorizadas

No fim de semana, o Sindicato dos Professores do Município do Rio e Região (Sinpro-Rio) realizou assembleia virtual e deliberou por uma ‘greve pela vida’


04/08/2020 às 07:34h

Maioria das escolas do Rio fica fechada mesmo autorizadas
Crédito: Reprodução

Autorizadas a retomar parte das aulas presenciais a partir desta semana, as escolas particulares do Rio, em sua maioria, permaneceram fechadas nesta segunda-feira (3) - e deverão continuar sem receber alunos ainda por alguns dias. Entre as razões, estão incertezas sobre a validade do decreto do prefeito Marcelo Crivella (Republicanos), uma disputa jurídica, uma greve de professores e receios de responsáveis pelos colégios e dos próprios pais de alunos em meio à pandemia.


O Sindicato das Escolas Particulares (Sinepe-Rio) não divulgou balanço sobre o total de escolas reabertas, mas admitiu que "a adesão foi muito pequena". Para o Sinepe, que na semana passada divulgou vídeo defendendo o retorno imediato das aulas presenciais, a maioria dos colégios prefere aguardar sinalização do governo estadual para retomar as atividades normalmente.

 

Uma das poucas escolas do Rio a reabrir nesta segunda foi a Camões Pinochio, na Freguesia, zona oeste da capital fluminense. Apenas alunos de quatro séries (quarto, quinto, oitavo e nono anos) tiveram atividades, que não foram propriamente aulas.

 

"O foco nos dois primeiros dias será dar boas-vindas, orientar os alunos, explicar os procedimentos de segurança e entender como está cada um deles", explicou o diretor pedagógico da escola, Luciano Nogueira. "A partir de quarta as aulas serão de fato retomadas."

FONTE: Com informações do Estadão
REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

BAHIA AQUI É TRABALHO

TVGeral

Live Rodrigo e Gabbriel EVOLUTION
Publicidade
Radio Geral 2
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas