Feira de Santana
+30...+30° C
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

Geral

todas as notíciasseta

Com 6 casos da Covid-19, trabalhadores do CDD Feira param atividades

No CDD trabalham 70 pessoas e atendem a vários bairros feirenses


13/07/2020 às 06:00h

Com 6 casos da Covid-19, trabalhadores do CDD Feira param atividades
Crédito: Divulgação

Os trabalhadores dos Correios do Centro de Distribuição Domiciliar (CDD) Feira, localizado na Avenida Rio de Janeiro, em Feira de Santana, pararam desde a última quarta-feira (8) as atividades no centro de operações da empresa pública, para chamar a atenção do órgão para os casos da Covid-19 que estão acometendo os funcionários.

 

Segundo o delegado sindical do Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (Sincotelba) e membro da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA), Judicael Botelho, os trabalhadores pedem a desinfecção o local, medição da temperatura dos funcionários e testagem do efetivo. "A CIPA fez uma ata extraordinária para que a empresa testasse os outros trabalhadores e fizesse as desinfecção do ambiente de trabalho e a empresa negou. Trabalhamos em um setor que é um galpão, todo trabalham juntos um do outro", comentou. O impasse levou o sindicato a entrar nesta segunda-feira (13) com um mandado de segurança contra os Correios, obrigando a executar as medidas pedidas pelos trabalhadores.

 

"Se apega ao próprio protocolo que ela criou e acha que o trabalhadores tem que fazer teste por contra própria. Inclusive quem testou positivo ela [Correios] não quer registrar a CAT, o próprio STF já sinalizou que é acidente de trabalho", criticou. "Estamos buscando via judicial e o que os tribunais estão julgando é segundo a constituição que fala que direito a vida é prioridade. O próprio governo colocou os Correios como essencial e eles não tratam os trabalhadores como essencial", disse Botelho. "Estamos parados por tempo indeterminado. Enquanto a empresa não atender a reivindicação a gente não tem condições de voltar para um ambiente que está infectado", comenta sobre a greve ambiental..

 

Segundo o representante sindical, de forma oficial, dez trabalhadores dos Correios em Feira de Santana tiveram ou ainda estão infectados pela Covid-19, seis destes com atividades no CDD Feira, onde trabalham 70 pessoas e 10 estão afastadas. "Neste final de semana entre 15 a 20 fizeram testes e estão esperando o resultado", comentou sobre o quadro geral da empresa em Feira de Santana. Outros dois são trabalhadores de agências e mais dois do CDD Capuchinhos. "Muitos não tem esse pensamento de auto proteger e proteger a sua família e a empresa falou que muitos deles tem função motorizada que se afastasse iria substituir", disse.

 

A Superintendência da Bahia, em resposta ao jornal FOLHA DO ESTADO, disse que está acompanhando a situação de saúde dos seus empregados, prestando o apoio necessário e, também, atuando para garantir o bom funcionamento das atividades operacionais e que na última sexta-feira (10) foi realizada a sanitização do CDD Feira de Santana, conforme os protocolos de prevenção adotados pela empresa e que a unidade funciona normalmente.

 

"Os Correios estão acompanhando a situação de saúde dos seus empregados, prestando o apoio necessário e, também, atuando para garantir o bom funcionamento das atividades operacionais.

 

Desde o mês de março, a empresa vêm adotando sucessivas medidas de proteção à saúde de seus empregados, clientes e fornecedores. Todos os empregados receberam máscaras laváveis e álcool em gel. Nos guichês das agências, foram instaladas barreiras acrílicas, com o objetivo de preservar os empregados e os clientes, e no fluxo de atendimento, está sendo realizado o gerenciamento de filas.

 

Ocorrendo a suspeita de contaminação entre os empregados, a empresa providencia ações de sanitização em todo o ambiente da unidade e o afastamento imediato da pessoa que possa estar infectada.

 

Na última sexta-feira (10) foi realizada a sanitização do CDD Feira de Santana, conforme os protocolos de prevenção adotados pela empresa. A unidade está funcionando normalmente.

 

Ainda sobre o Centro de Distribuição em Feira de Santana, informamos que o serviço está regular, todos os empregados da unidade receberam, cada um, 4 máscaras, além da disponibilização de álcool em gel para o uso diário interno e durante a entrega externa. A limpeza do ambiente está ocorrendo regularmente.

 

Os Correios lamentam eventuais transtornos à população, neste momento de adversidade e adaptação de todos os setores da sociedade, e seguem à disposição pelos telefones 3003-0100 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 725 7282 (demais localidades), ou pelo Fale Conosco, no site www.correios.com.br." 

FONTE: Da Redação
REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

TVGeral

Live Afrodisíaco com Pierre Onassis
Publicidade
Estacio  ON
Radio Geral 2
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas