Feira de Santana
+30...+30° C
Dólar:   R$ 3,256
Euro:   R$ 4,017
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

Economia

todas as notíciasseta


Energia elétrica recua 4,73% em janeiro, diz IBGE

Queda é consequência da mudança da bandeira vermelha para verde


08/02/2018 às 02:11h

Energia elétrica recua 4,73% em janeiro, diz IBGE
Crédito: Marcelo Casal Jr | Ag. Brasil

A tarifa de energia elétrica ficou 4,73% mais barata em janeiro, principal impacto negativo sobre a inflação do mês. O item deu uma contribuição de -0,17 ponto porcentual para a taxa de 0,29% do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de janeiro, divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

 

O movimento se deve à substituição da bandeira tarifária vermelha patamar 1 em vigor em dezembro pela bandeira verde em janeiro, dando fim à cobrança do adicional de R$ 0,03 por cada kWh consumido. Além disso, houve redução na alíquota de PIS/Cofins em algumas das regiões pesquisadas.

 

Apenas Porto Alegre teve elevação na energia elétrica (5,00%), devido ao reajuste de 29,60% em uma das concessionárias a partir de 21 de dezembro. Nas demais regiões, as variações oscilaram entre -8,03% em Belém e -0,39% em Vitória.

 

Como resultado, o grupo Habitação teve queda de 0,85% em janeiro, após já ter recuado 0,40% em dezembro.

 

O gás de botijão ficou 0,32% mais barato em janeiro, como consequência da redução de 5,00% no preço nas refinarias do gás de cozinha vendido em botijões de 13 kg, anunciada pela Petrobras em 19 de janeiro.

 

Por outro lado, a taxa de água e esgoto subiu 0,12%, impulsionada por reajustes em Belém, Fortaleza e Campo Grande. O gás encanado ficou 1,34% mais caro, como reflexo do reajuste ocorrido no Rio de Janeiro.

FONTE: Com informações do Estadão
REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

TVGeral

Confira o quadro Intimidades com a cantora Tays reis
Publicidade
Bruno Best Travel
Vilage Marcas e Patentes
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas