Feira de Santana
+30...+30° C
Dólar:   R$ 3,412
Euro:   R$ 4,187
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

Lutas e Artes marciais

todas as notíciasseta


Superação: lutador passa do sedentarismo as competições

Luan que chegou a pesar 155kg hoje participa de campeonatos de boxe chinês


05/01/2018 às 06:05h

Superação: lutador passa do sedentarismo as competições
Luan Marinho no canto esquerdo da foto | Crédito: Anderson Torres

Na noite da ultima quinta-feira (4) o lutador de boxe chinês, Luan Marinho, 26, esteve presente no Programa Geral Fight e contou sua historia de superação e trajetória no esporte. O atleta esteve acompanhado do seu treinador e líder da Arena Team, Kleyber Nilo.

 

Após lesão sofrida no período que ainda servia ao Exército, Luan acabou entrando no sedentarismo. “No Exército eu era bastante ativo, inclusive jogava no time de basquete de lá, mas acabei sofrendo um acidente ao longo do trabalho e acabei engordando 40 kg em apenas 3 meses, e isso me levou a uma frustração, porque eu queria entrar na PM e ai eu comecei a engordar e fiquei parado, sem fazer atividades e isso me levou a me afastar do mundo porque eu não conseguia mais correr e fazer as coisas, eu me afastei de tudo e acabei elevando bastante meu peso e conseguia baixar mais (o peso)”, contou o lutador.

 

Apesar das tentativas de fazer dieta, o atleta continuou perdendo a guerra contra a balança, chegando a pesar 155 kg. “Eu não conseguia ter sucesso com a dieta, porque eu não me exercitava, antigamente quando ia na rua se eu pudesse parava a moto dentro da loja, mas eu decidi me matricular em uma academia de boxe que abriu próximo da minha casa, porém em três meses o espaço fechou e eu voltei ao sedentarismo. Quando professor Kleyber abriu a academia, eu decidi fazer o boxe chinês, e depois disso eu consegui começar a ganhar condicionamento físico, agora eu já estaciono a moto e rodo a rua toda andando”, lembra.

 

Momento atual

 

O professor Kleyber Nilo conta que o mecanismo aplicado para o ensino das artes marciais influencia no sucesso do aluno. “Lá na Arena a gente busca trabalhar em cima das limitações de cada um. Precisamos respeitar essas limitações. A gente trabalha não excluindo o movimento, mas vamos estimulando para que o aluno vá realizando aquele exercícios ao poucos até que ele consiga executar. No caso de Luan eu precisei, ir pra casa, pensar analisar, estudar, e graças a Deus, ele não apenas treina, como é um atleta de competição”, disse o treinador.

 

O método do professor fez com que o lutador superasse algumas barreiras enfrentadas pelo atleta. “Quando a gente tem o sobrepeso a gente já chega assim e fica olhando, achando que não vai conseguir realizar os mesmos exercícios que o pessoal mais magro está conseguindo fazer. A primeira luta que a gente enfrenta é na hora de comprar a roupa para ir para academia, que a gente não encontra, essa é a primeira barreira, a segunda são as limitações físicas determinados movimentos a gente tem um pouco mais de dificuldade para realizar, como alguns saltos por exemplo, mas o professor com o jeito dele de trabalhar, me fez superar esse desafio”, destacou.

 

Antes de iniciar o processo de treinamento, Luan fez baterias de exames e já colhe os frutos do treinamento. “Eu estava com o açúcar, o colesterol alto, devido o sobrepeso, em pouco tempo eu perdi 5 kg e os novos exames de sangue já mostraram as melhorias na minha saúde, quase todos os índices foram normalizados”.

 

Inspiração

 

Para quem só queria ganhar condicionamento físico, o pugilista foi além e já encarou novos desafios. “Hoje já estou participando das competições, lutei no campeonato baiano de Sanda esse ano e espero em breve trazer medalhas. Meu professor serve de inspiração, olho para a coleção de troféus de Kleyber e quero fazer conquistas semelhantes”, contou.

 

Para Kleyber ver a disposição do aluno e desempenho é motivo de orgulho. “Eu me sinto orgulhoso, já conversamos ele vai participar de novas competições esse ano e breve trará muitas medalhas para a Arena”.

 

O Geral Fight é apresentado por Sidnei Campos e Jéssica Silva e vai ao ar toda quinta, a partir das 19h, pela Rádio Geral. Um programa voltado para o universo das lutas e que a cada semana busca trazer vários convidados e temas diferentes. Para acompanhar toda a programação basta baixar o aplicativo da Rádio Geral no Play Store, se você tem Iphone também pode curtir o programa através do App Radiosnet ou ainda pode ficar ligado através do site da Rádio Geral.
 

FONTE: Da Redação
REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

TVGeral

Confira os melhores momentos da Micareta de Feira 2018
Publicidade
Bruno Best Travel
Vilage Marcas e Patentes
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas