Feira de Santana
+30...+30° C
Dólar:   R$ 3,093
Euro:   R$ 3,282
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

São João

todas as notíciasseta


Tradicional São Pedro em Feira valoriza autêntico forró

Fortes representantes do Forró pé-de-serra, Flavio José e Chambinho do Acordeom estão confirmados na cidade


29/06/2016 às 11:42h

Tradicional São Pedro em Feira valoriza autêntico forró
Crédito: Reprodução

Essa semana o forrozeiro Flavio José, conhecido pelas suas belíssimas canções e por interpretações marcantes, usou as redes sociais para desabafar a respeito da “invasão” de outros gêneros musicais nas festas juninas, que segundo o artista reduzem as possibilidades das bandas que representam o forró de participarem das festividades. Ele defende que sejam criadas medidas protetivas, com o intuito de que o ‘modismo’ não seja o único critério na hora das contratações.


O diretor de eventos da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer do município de Feira de Santana Naron Vasconcelos, comentou sobre os critérios usados pela secretaria e diz ser entusiasta do chamado forró autentico. “Isso tem muito a ver com meu conceito, estou muito focado nessa linha e entendo que é uma atribuição principalmente do poder público preservar a cultura de seu povo, apesar da globalização que conduz o mercado, que acaba ditando regras e diretrizes, temos que ter o cuidado em harmonizar mantendo um equilíbrio, é importante não agredir as nossas origens e nossos valores reais no tocante a cultura de cada região”, explicou.


De acordo com Vasconcelos o movimento em defesa do forró não é uma manifestação recente. “Eu percebo que aproximadamente há uns três anos surgiu um movimento que visava proteger os artistas baianos de forró, que já se preocupavam com essa invasão dos artistas de fora da Bahia, posso citar Adelmário Coelho, Del Feliz, Zelito Miranda e outros, que enxergavam que as bandas de outros estados faziam da Bahia um paraíso no que se refere ao número de apresentações. A Bahia era o principal foco das bandas pernambucanas, paraibanas, cearenses e de outros estados, inclusive os artistas baianos fizeram uma intervenção junto à Assembleia Legislativa do estado para que houvesse uma determinação que as bandas da Bahia fossem mais contempladas, mas agora a situação se tornou mais abrangente, a preocupação agora é muito maior, pois as bandas do Nordeste em geral já estão sendo preteridas a outros estilos musicais”.


Sobre o critério adotado no tocante as contratações, Naron explica que com todo respeito aos outros segmentos, a diversidade é interessante, porém perigosa, pois os órgãos públicos devem ser zeladores da cultura e deve existir coerência na hora de contratar. “Eu não costumo contratar, por exemplo, bandas de axé para o São João nem banda de forró para a Micareta, salvaguardando algumas exceções, mas não pode ser regra, como alguns municípios fazem, descaracterizando a festa, fazendo do São João verdadeiros carnavais. Posso até contratar algo fora do forró, mas a prioridade é do segmento”, continuou.


“Sei que mesmo com todo nosso esforço, não agradamos a todos, muitos não sabem que existe uma Lei municipal que exige que 70% das contratações sejam locais e assim é feito, devem-se levar em consideração vários fatores como a responsabilidade com o erário público, as leis vigentes, o gosto musical da população, mas acima de tudo ter muita responsabilidade, principalmente com o momento crítico da economia do país”, finalizou.


São João de São José


Sobre as comemorações do São João no distrito de São José, o diretor de eventos disse estar satisfeito com o que foi apresentado e que a prova disso foi o comparecimento em massa do público que não se abalou nem com a chuva e nem com a crise financeira.


Ele citou que o maior público foi na apresentação de Bruno e Marrone, mas a que foi considerada a banda do São João foi a banda local Ki Xote É Esse. Ainda se apresentaram Luan Forró Estilizado, Beto Pitombo, Bruno Bezerra, Gigantes do Brasil entre outros.


Naron fez questão de salientar o São João de Tiquaruçu dias 24 e 25, que foi uma grande surpresa em relação ao público, batendo todos os recordes de presença, mesmo sendo tão próximo a São José e admite que não acreditava muito no projeto. O que seria alvo de remanejamento, agora deverá ser fortalecido.

 

São Pedro de Humildes


O São Pedro de Humildes vai contar com Joelma, se apresentando pela primeira vez em carreira solo, Flavio José, Vitor e Léo, Chambinho do Acordeom que recentemente apareceu na novela na TV Globo ‘Velho Chico’ abordando inclusive o tema de defesa do forró tradicional, ajudando a movimento em defesa do forró autentico.  


Naron disse ainda que apesar de ser a segunda vez que Chambinho se apresenta em Feira, o fato de estar encabeçando o apelo, foi um agente agregador na hora de contratar o artista.


O São Pedro será festejado no distrito de Humildes nos dias 27, 28 e 29 e também em Jaíba (participação de Targino Gondim) dias 27 e 28 e em Bonfim de Feira, 28 e 29.


Confira a grade do São Pedro 2016


HUMILDES – PALCO 1


30/06


20:00h Roquinho do Forró
22:00h Joelma
00:00h Lua Cheia


1/7


20:00h Acarajé com Camarão
22:00h Flavio José
00:00h Selfienejo


2/7


20:00h Marrom Glacê
22:00h Vitor e Leo
00:00h Capim Molhado

 

HUMILDES – PALCO 2


30/06


20:30h Cheiro Perfumado
22:30h Cueca Branca
00:30h Pegada das Antigas


1/7


20:30h Forrozão Pense N’Eu
22:30h Chambinho do Acordeom
00:30h Forrozão Menina Fogosa


2/7


20:30h Beijo Roubado
22:30h Mulher Bandida
00:30h Delirius do Olhar

 

Bonfim de Feira

 

1/7


20:00 HD.com
22:00 Saia Rodada
00:00 Asas Livres
02:00 Sela Vaqueira


2/7


20:00 Anderson Dias
22:00 Arreio de Ouro
00:00 Nenem do Acordeon
02:00 Edu Forró


Jaíba


1/7


20:00 Léo e Seus Teclados
22:00 Seu Maxixe
00:00 Targino Gondim
02:00 João Almeida


2/7


20:00 Zé Araújo
22:00 Colher de Pau
00:00 Arnaldo Farias
02:00 Pepita do Acordeon 

FONTE: Da Redação
REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

TVGeral

Carnaval ganhou mais uma atração especial na terça(21). O contrafluxo do trecho vai do Morro do Cristo ao Farol da Barra
Publicidade
Instituto
Via Feira
Instituto
Vilage Marcas e Patentes
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas