Feira de Santana
+30...+30° C
Dólar:   R$ 3,127
Euro:   R$ 3,398
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Feeds

Copa 2014

todas as notíciasseta


Veja quem pode ter chance na Seleção para 2018

Jornalistas listaram novos talentos que poderão ser aproveitado por novo técnico


14/07/2014 às 05:14h

Veja quem pode ter chance na Seleção para 2018
Talisca figura na lista

Após o vexame da Seleção Brasileira, os rumores agora se voltam para a possível nova comissão técnica e quais jogadores poderão ter oportunidade na equipe verde-amarela para as Eliminatórias, Copas Américas (2015 e 16) e mais especialmente para a Copa de 2018, na Rússia.

 

Segue abaixo alguns jogadores que poderão retornar à Seleção Brasileira após terem sido preteridos por Luiz Felipe Scolari e outros que já despontam com talento para ter a primeira oportunidade. Veja a seguir:

 

Goleiros

Cássio (Corinthians) – 27 anos
Goleiro titular do Corinthians, Cássio teve passagem pela Seleção Brasileira Sub-20 em 2007 e algumas convocações com Dunga e Mano Menezes.

 

Diego Alves (Valencia) – 29 anos
Reserva de Renan em Pequim 2008, o ex-camisa 1 do Atlético-MG chegou a ser lembrado por Dunga e Mano Menezes, mas nunca conseguiu se manter na Seleção.

 

Gabriel (Milan) – 21 anos
Revelado pelo Cruzeiro, Gabriel é um dos goleiros reservas do Milan. Foi campeão mundial Sub-20 com a Seleção Brasileira em 2011 e titular de Mano Menezes na conquista da medalha de prata em Londres 2012.

 

Rafael (Napoli) – 24 anos
Reserva na Napoli, o goleiro fez parte da fase de ouro do Santos com Paulo Henrique Ganso e Neymar. Foi lembrado algumas vezes por Mano Menezes, mas ficou fora dos Jogos de Londres 2012 por causa de uma lesão.

 

Laterais direitos

 

Danilo (Porto) – 22 anos
Após se destacar com a camisa do Santos, Danilo foi negociado com o Porto. O jogador já vestiu a camisa da Seleção Brasileira e foi medalha de prata em Londres 2012.

 

Mário Fernandes (CSKA Moscou) – 23 anos
Talento com os pés e problemático fora dos campos, Mário Fernandes está desde 2012 no futebol russo após ser negociado pelo Grêmio. Em 2011, recusou uma convocação do Mano Menezes para o Superclássico das Américas e nunca mais foi lembrado.

 

Rafael (Manchester United) – 23 anos
Destaque no Manchester United, Rafael é apontado como um dos melhores laterais do planeta, mas ficou marcado por ter cometido um erro em um dos gols do México na final dos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012.

 

Zagueiros

 

Dedé (Cruzeiro) – 26 anos
O defensor do Cruzeiro também sonhou até os instantes finais por uma chance na Seleção Brasileira treinada por Luiz Felipe Scolari. O defensor sonha com uma negociação com o futebol do exterior e também com a chance de se fixar como um dos defensores do Brasil.

 

Dória (Botafogo) - 19 anos
Jovem, o jogador é um dos líderes do clube carioca, mas sofre com altos e baixos em General Severiano. Foi campeão do Torneio de Toulon, na França, com a Seleção Brasileira Sub-20 e já despertou a atenção dos europeus.

 

Gil (Corinthians) – 27 anos
Um dos melhores defensores do País, Gil aguarda uma oportunidade na Seleção Brasileira. O ex-jogador do Cruzeiro teve uma passagem pelo futebol francês pelo Valenciennes, antes de chegar ao Corinthians em 2013.

 

Gustavo Henrique (Santos) - 21 anos
Defensor do Santos, é uma das principais revelações entre os defensores do futebol brasileiro. O jogador, que tem 1,93 m, se recupera neste momento de uma grave lesão no joelho.

 

Manoel (Cruzeiro) – 24 anos
Talentoso jogador revelado pelo Atlético-PR, o jogador finalmente conseguiu realizar o sonho de se transferir para um clube do eixo Rio-SP-Minas e espera ser reconhecido pela Seleção Brasileira.

 

Marquinhos (PSG) – 20 anos
Nome sempre lembrado pelas Seleções de base, o zagueiro revelado pelo Corinthians está na mira do Barcelona. O jogador foi negociado no ano passado da Roma para o PSG por 31,4 milhões de euros.

 

Laterais esquerdos

 

Alex Sandro (Porto) – 23 anos
O ex-jogador do Santos foi medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Londres e teve passagem pelas Seleções de base. No Porto, aguarda uma nova chance de voltar à Seleção Brasileira.

 

Alex Telles (Galatasaray) – 21 anos
O ex-jogador do Grêmio foi apontado como uma das maiores revelações da lateral esquerda do futebol brasileiro nos últimos anos. Após se destacar, foi negociado no início deste ano para o futebol turco.

 

Filipe Luís (Atlético de Madrid) – 28 anos
O jogador teve o seu nome lembrado por Dunga e Luiz Felipe Scolari, sendo um dos atletas do grupo da conquista da Copa das Confederações de 2013. Mesmo se destacando na campanha do Atlético de Madrid, perdeu espaço para Maxwell e ficou fora do Mundial do Brasil.

 

Wendel (Bayer Leverkusen) - 20 anos
Mais uma revelação gremista na lateral esquerda, o jogador foi negociado neste ano com o futebol alemão. Pode ser uma aposta para a Seleção Brasileira Olímpica,

 

Volantes

 

Fernando Martins (Shakhtar Donetsk) – 22 anos
Presente nas Seleções de base, o jogador foi vendido pelo Grêmio para o Shakhtar Donetsk. O volante fez parte do grupo da Copa das Confederações, mas perdeu espaço após a ida para Ucrânia e foi substituído por Fernandinho.

 

Lucas Leiva (Liverpool) – 27 anos
O talentoso jogador do Liverpool já foi lembrado pelos três últimos técnicos da Seleção Brasileira, mas as seguidas lesões acabam evitando a continuidade. Chegou a brigar por uma vaga na Copa de 2014, porém ficou de fora da lista final.

 

Fernando Reges (Manchester City) - 26 anos
Desconhecido do público brasileiro, o volante se destacou nas últimas temporadas com a camisa do Porto e foi negociado para a próxima temporada temporada para o poderoso Manchester City.

 

Meias

 

Anderson Talisca (Benfica) – 20 anos
Pedra preciosa do Bahia, o meia acaba de ser negociado para o Benfica. O jogador tem mostrado uma habilidade rara nos campos brasileiros e pode ser uma opção para o futuro da Seleção.

 

Fred (Shakhtar Donetsk) - 23 anos
Desde 2013 no futebol ucraniano, o jogador se destacou com a camisa do Internacional, mas saiu do País ainda desconhecido do grande público.

 

Giuliano (Grêmio) – 24 anos
Campeão da Libertadores pelo Inter em 2010, o meio-campista desapareceu na Ucrânia ao aceitar jogar pelo Dnipro. Jogador das Seleções Brasileiras de base, foi chamado algumas vezes pelo técnico Mano Menezes.

 

Lucas (PSG) – 21 anos
Uma das maiores revelações do futebol brasileiro, o meio-campista foi campeão da Copa das Confederações em 2013, porém não conseguiu mostrar na Seleção o mesmo desempenho que teve no São Paulo e agora no PSG. Perdeu espaço nos últimos meses antes do Mundial e ficou de fora da lista final.

 

Paulo Henrique Ganso (São Paulo) – 24 anos
Teve o nome pedido pela mídia nacional para jogar a Copa de 2010, quando ainda atuava pelo Santos. Nos anos seguintes, sofreu com as seguidas lesões, queda de rendimento e um imbróglio para trocar o Santos pelo São Paulo. Apesar de talentoso, sofre críticas por não ter regularidade.

 

Phillippe Coutinho (Liverpool) – 22 anos
Revelado pelo Vasco, o meio-campista não conseguiu se destacar com a camisa da Inter de Milão. Emprestado ao Espanyol, reencontrou o bom futebol e foi vendido ao Liverpool em 2013. Pelo clube inglês, foi um dos destaques da campanha do vice-campeonato do Campeonato Inglês nesta temporada e teve o nome sugerido por alguns críticos.

 

Atacantes

 

Alan Kardec (São Paulo) – 25 anos
Teve ótimo desempenho com as camisas de Santos e Palmeiras e chegou a ser cogitado como reserva de Fred para o Mundial, apesar de nunca ter sido convocado por Felipão. Surpreendentemente, o jogador teve o seu nome na lista dos sete jogadores na “lista de espera” para o caso de lesões.

 

Gabriel (Santos) – 17 anos
Conhecido popularmente como Gabigol, o santista se destacou no último Campeonato Paulista. Presente nas Seleções de base, o atacante pode ser uma boa aposta para o futuro do ataque brasileiro.

 

Leandro Damião (Santos) – 24 anos
Cortado da Copa das Confederações por lesão, o atacante não retornou à Seleção Brasileira. Foi negociado pelo Internacional com o Santos nesta temporada, mas ainda não conseguiu repetir as atuações que teve no clube colorado.

 

Luiz Adriano (Shakhar Donetsk) – 27 anos
Artilheiro no Shakhtar Donetsk, o ex-jogador do Internacional aguarda uma chance na Seleção Brasileira. O jogador fez parte da Seleção Brasileira Sub-20, em 2007, que classificou o País para os Jogos de Pequim 2008.

 

Roberto Firmino (Hoffenheim) - 22 anos

Revelado pelo Figueirense e negociado com o Hoffenheim ainda desconhecido em 2010, o atacante fez 16 gols na última temporada do Campeonato Alemão. 

FONTE: Anderson Regio, Celso Paiva e Fábio de Mello Castanho Terra.com.br
REPORTAR ERROREPORTAR ERRO

TVGeral

Bahia domina Flu de Feira no Joia e amplia vantagem na semifinal do Baianão
Publicidade
Mamãe 6 estrelas
Bruno Best Travel
Instituto
PMFS Gospel
Vilage Marcas e Patentes
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia
Ornamentação e Decoração de Festas